quinta-feira, 21 de junho de 2007

Super freaks, super freaks...

Ontem, por volta das 20h00, ao fazer zapping, dou de caras na Vh1 com um programa sobre concursos de beleza para crianças. É claro que tal barbaridade tinha lugar naqueles locais recônditos dos EUA, uma espécie de Little Miss Sunshine, mas levado a um extremo quase desumano. As miúdas, todas de 4 ou 5 anos, são autênticas aberrações à la Dolly Parton, pobres coitadas. Carregam com quilos de maquilhagem, perucas de tamanho de abóboras e usam dentaduras para disfarçar a natural falta de dentes. Andam sempre de um lado para o outro em busca de shows deste género e todas elas almejam derrotar as restantes candidatas e ganhar o belo do dinheiro. Os progenitores (e falo especificamente das mães, porque foi o que vi) são como que treinadores implacáveis que promovem estas sórdidas competições e que desejam ver o seu rebento a dar-se bem na vida (?!?) através da beleza. Não vi muito do programa, porque estas coisas metem-me muita impressão, mas cheira-me a desejos reprimidos das mamãs espelhados agora nas suas beauty queens e também a forma fácil de acumular cifrões!

6 comentários:

Zito disse...

a caricatura desse tipo de concursos no Little Miss Sunshine está hilariante ..... adorei esse filme ...

Betty Coltrane disse...

Também já vi uns quantos programas desses... Pelos vistos é uma coisa bastante usual, o que não a torna de maneira nenhuma aceitável!!! As pobres crianças sofrem imenso, mas o pior em minha opinião é que saem disto com a personalidade e os valores totalmente deformados! É fútil, artificial e anti-natura! Um filme que espelha de forma magistral estas questões, embora na Roma dos anos 50, e no mundo do cinema, é Bellissima, de 1951, do Visconti. A cena chave, em que a mãe se apercebe da monstruosidade a que está a submeter a filha é poderosa: a criança chora, desesperada, e perante isto os adultos riem e troçam... Magistral!

Quanto a visitas guiadas, todas as que quiseres meu querido!!! ;P

Maria del Sol disse...

Bem lembrado, Betty :) que maravilha a Anna Magnani naquele papel de mulherão poderoso, a verdadeira "mamma" à latina dirigida pelo mestre Visconti.A rever on and on!
E, obviamente, qualquer pessoa com mais alguma na cabeça além de futilidades e ganância tem de admitir que é uma monstruosidade perturbar desta maneira o crescimento saudável das crianças em nome do conforto financeiro dos pais.
É bom que existam documentários para ir alertando a sociedade das potenciais aberrações que estamos a criar desta maneira :S

Muxaxa lili disse...

Bem digo-te uma coisa com experiencia propria..a minha irma (6 anos) iria adorar esse programa e kerer participar nele..pk é super vaidosa e cm a mania dos modelos e tal..mas axo k todas nos ja passamos por isso..o k kero dizer é k as vezes nao sao as maes,(no meu caso, irmas) k somos as «treinadoras» destes rebentos pk conhecendo a minha irma como conheco ela n precisa de «treinadoras» pk sabe dar conta do recado cm cenas super futeis..mas k para ela no momento sao importantes..
bju

Cataclismo Cerebral disse...

Estes shows metem-me nojo. Pronto, está dito. É um completo desvirtuar dos valores morais e aqui podem-se já verificar os arquétipos de adultos que essas crianças se virão a transformar.
Obrigado pelos comments de todos.

Abraços e beijos

curse of millhaven disse...

todos os concursos de beleza enojam-me. se falarmos então d concursos d beleza pra crianças era distribuir chapada por aquela gente toda! cambada d inúteis exploradores! e cambada de criancinhas irritantes!! grrrrr...