quinta-feira, 17 de maio de 2007

Circo de Feras

Não sou fã de touradas. Não tenho nada contra quem gosta de touradas. Detesto é que o sofrimento de um animal sirva de entretenimento para um público sedento de matança. Acho alguma piada ao confronto "mano a mano" entre toureiros e touros, quando se trata das pegas. Tudo o que vá para além disso choca-me bastante. Não posso concordar com as opiniões que dizem "se não gostas de touradas, és contra a cultura portuguesa e só podes ser vegetariano então!" ou a típica "és um intelectualóide". Ponto 1: custa-me que a cultura portuguesa seja assim reduzida a um espectáculo tão vil e insensível (que eu saiba, Portugal já evoluiu bastante nos últimos tempos e o nosso povo é bem capaz de melhor); Ponto 2: infelizmente, a maior parte dos seres humanos baseiam a sua alimentação na carne, mas isso não significa que se faça uma festa por se comer um animal (eu, pelo menos, não tenho orgulho nisso e sei que muitos também não). Estava a seguir o "Opinião Pública", na SIC Notícias, sobre a manifestação anti-tourada, quando um telespectador dá a sua (estúpida) opinião que lhe custa que hajam pessoas anti- touradas quando há casos de crianças desaparecidas e essas pessoas não fazem nada! WHAT THE FUCK?????? O que é que isto quer dizer?! Nem quero debruçar-me muito sobre isto, só para não me chatear... Acho, sinceramente, que as touradas merecem uma revisão/reflexão profunda! Urgentemente!

5 comentários:

Zé do Telhado disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cataclismo Cerebral disse...

Concordo plenamente com a tua opinião zé do telhado. Obrigado pelo post.

Abraço

Betty Coltrane disse...

Sabes, já aos olhos dos visitantes estrangeiros no Portugal de D.João V a tourada aparecia como um espetáculo bruto, e pior, provinciano!! Agora imagina hoje... Temos uma tradição riquíssima, e não será o fim da tourada que nos irá descaracterizar! Agora, esse comentário rebentou a escala para mim!! E sim, é mesmo what the fuck?! O que é que tem a ver o cú com as calças? A sério, gente estúpida como essa só me dá vontade de emigrar! Ainda mais!

Beijão!

Pedro Duarte disse...

Pois... concordo contigo.

Mas 1 palavra : Barrancos.

Acho q isto define algumas (muitas) mentalidades infelizmente.

Anônimo disse...

Il semble que vous soyez un expert dans ce domaine, vos remarques sont tres interessantes, merci.

- Daniel